Jornal Cruzeiro do Sul


28/11/14 | Sorocaba SP

Materia

  • Imprimir
  • Enviar
| AGENDA CULTURAL

Shows, peça teatral e conferência são destaques

Show de Robson Silvestrini

 

 

O músico sorocabano Robson Silvestrini é a atração de hoje, dentro da agenda do projeto Serestas especiais. Silvestrini, que começou a estudar música aos 13 anos, tendo como professor o famoso seresteiro sorocabano José Bastante, se apresenta a partir das 20h30, no Rancho da Costela, que fica na rua Cabreúva, 25. A entrada custa R$ 10 e reservas podem ser feitas com Mazé Muraro, pelos telefones (15) 3232-7574 ou (15) 9774-0525.

 

 

Peça no Parque dos Espanhóis

 

 

Sorocaba receberá duas das 36 apresentações gratuitas do projeto Teatro no parque, que acontece na grande São Paulo e em cidades do interior. A primeira atividade já acontece hoje, às 16h, no Parque dos Espanhóis (rua Campos Sales, s/nº, Vl. Assis), onde a Cia. Teatral Boccaccione apresenta o espetáculo Ubu Rei, uma adaptação da obra do dramaturgo francês Alfred Jarry. O segundo espetáculo que será apresentado em Sorocaba é o Cortejo de figuras, da Cia. Mundo Rodá. A peça acontece no dia 18 (domingo), na Praça Frei Baraúna (Centro). A programação é gratuita.

 

 

"Túnel do amor": curta temporada

 

 

O grupo teatral Entreatus realiza curta temporada do espetáculo Túnel do amor até o dia 11 de agosto, sempre aos sábados e domingos às 20h. O endereço das apresentações é rua Prof. Daniel Pereira do Nascimento, 56, Jd. São Carlos (sede do grupo). Túnel do amor é um texto de Marcello Marra inspirado no romance A moreninha, de Joaquim Manoel de Macedo e ambientado no Brasil (São Paulo - São Vicente) da década de 1950. Na peça, Augusto, um conquistador inveterado, se encontra numa festa com Carolina, menina bela, mimada e de língua mordaz. Sem desconfiar que se trata de seu amor de infância, procura lograr êxito na aposta firmada com seus amigos em que jura não se apaixonar por nenhuma garota. Augusto tenta inutilmente se afastar de Carolina que por sua vez também tenta se afastar de Augusto. Essa é a linha condutora do espetáculo, que revela românticas surpresas no final. Paralelamente à trama principal, desfilam outras personagens que remetem aos anos dourados. Durante a encenação, os atores se revezam para interpretar 18 canções da época, a maioria clássicos do rock and roll, imortalizados nas versões de Celly Campello. Músicas como Estúpido cupido, Ritmo da chuva, Broto legal, Banho de lua, Lacinhos cor-de-rosa, entre outras, são interpretadas neste projeto por banda ao vivo com os vocais de Marcello Marra e Eliséte Martins. Ingressos: R$ 10. Mais informações pelos telefones (15) 3202-6622, (15) 9113-5658 ou no site www.entreatus.com.br.

 

 

Peça "Astúcia, uma ponta de Iago"

 

 

O espetáculo Astúcia, uma ponta de Iago, dirigido por Hamilton Sbrana, será apresentado aos sábados e domingos de agosto, às 20h, no Teatro de Bolso Camarim Casa do Ator (rua Vicente Decária, 373 final da Cel. Nogueira Padilha). Trata-se da história de uma trupe teatral itinerante apresentando a comédia O doente imaginário, de Molière. No elenco dessa trupe há uma disputa velada entre os atores para conseguir o melhor papel na peça teatral. Tais intrigas desencadeiam não apenas o ciúme no casal diretor da trupe, como também um trágico final para essa história. O elenco foi dividido em dois: no elenco masculino o protagonista é Iago, um ator que anseia conseguir o papel de Cássio na Commedia Del"arte e para isso envenena com ciúme o diretor da companhia teatral, Tell, colocando sua inocente esposa chamada Desdemona como suposta amante de Cassio, o detentor do papel que Iago pretende conseguir. A protagonista no elenco feminino é chamada de Aigo e deseja o papel de Cássia e envenena a diretora da companhia, Tell, com supostas mentiras sobre o seu marido Dede. Hoje, sobe ao palco o elenco masculino. Amanhã, quem coordena a montagem é o elenco feminino. Na semana que vem, inverte a ordem (ou seja, no sábado, o feminino e no domingo, o masculino). A recomendação etária é de 12 anos. O convite custa R$ 5. Informações e reservas: (15) 2104-5489.

 

 

Conferência Municipal de Cultura

 

 

Por motivo de agenda, a 4ª Conferência Municipal da Cultura acontecerá no auditório da Fundec hoje (das 8h às 17h), e não mais no Sesi, como divulgado anteriormente. O cronograma do evento, que é aberto ao público, e cujo tema será Viva a Cidade: Cultura e Desenvolvimento, começa com a abertura oficial, leitura do regimento e distribuição dos grupos para a discussão da pauta definida na pré-conferência. Depois das discussões dos grupos, haverá apresentação do resultado à plenária para a votação e, na sequência, é feita a escolha dos delegados para a fase estadual. Quem quiser participar da conferência poderá se inscrever, previamente, no site: http://agencia.prefeiturasorocaba.com.br. Também serão aceitas inscrições no ato do evento. A Conferência Municipal é a primeira instância da inclusão de Sorocaba no circuito de discussão das políticas de cultura, em consonância com a 3ª Conferencia Nacional de Cultura, que acontece entre 26 e 29 de novembro, em Brasília. A Fundec fica na rua Brigadeiro Tobias, 73.

 

 

Grupo teatral Epidaurus

 

 

Com texto de Augusto Roberto e Alexandre Freitas, e direção de Juliana Felippe, o grupo teatral Epidaurus apresenta o espetáculo Bizarro hoje, amanhã e no próximo sábado e domingo (dias 10 e 11 de agosto), sempre às 20h30 no espaço da Trupé (rua Dr. Nogueira Martins, 457). A entrada custa R$ 7. O enredo se passa numa favela e retrata a situação desesperadora que Fabrício se encontra. Ele se reencontra com um antigo amigo, Rafael que, ao contrário de Fabrício, conseguiu alcançar uma trajetória de sucesso.

 

Notícia publicada na edição de 03/08/13 do Jornal Cruzeiro do Sul, na página 002 do caderno C - o conteúdo da edição impressa na internet é atualizado diariamente após as 12h.

Publicidade

Publicidade

comments powered by Disqus



cruzeirodosul.inf.br

Desenvolvimento:

Jornal Cruzeiro do Sul - Direitos Reservados

Faça uma assinatura

Por que ".inf.br"?

Os domínios ".inf.br" destinam-se a meios de informação, como rádios, jornais, bibliotecas, etc.

Acessar a versão móvel